Rampage – Destruição Total [Crítica]


Quando soube que estava escalado para assistir esse filme logo fiquei empolgado, isso porque confundi parte do título com a alcunha do famoso lutador estadunidense de MMA. Não, infelizmente não se trata de um documentário a respeito da carreira de Quinton Ramone Jackson e sim só mais um filme com animais gigantes, destruição pela cidade e um herói musculoso salvando todo mundo ao lado de uma mulher linda e inteligente.

Tudo começa por conta de uma experiência clandestina rolando na órbita da Terra. A empresa é uma espécie de Umbrella familiar e bem amadora... Antes de continuar queria pedir perdão aos criadores da franquia Resident Evil pela comparação, foi só para facilitar a compreensão de todos. Voltando ao filme, um acidente com a estação espacial faz com que os experimentos ilegais caiam em três lugares diferente nos Estados Unidos. Esses experimentos fazem parte do desenvolvimento de uma arma biológica e provoca mutações. Agora adivinha quem sofre as mutações? Basta olhar o cartaz do filme, só não olha muito para não acabar vendo demais.

O filme é extremamente previsível, se você já viu alguma das inúmeras versões de King Kong ou Godzilla vai conseguir antecipar cada cena, incluindo o desfecho. Outra coisa que estraga o filme são as piadas do tio do pavê, dessa vez vivido pelo ator Dwayne Johnson (conhecido como The Rock) em mais um filme com o diretor Brad Peyton. E não se engane com os efeitos especiais, com os barulhos das explosões e tiros, isso não vai te manter acordado por muito tempo, vai ser preciso força de vontade para ficar até o final.

Antes de encerrar eu gostaria de dizer que não se trata de uma implicância com o gênero blockbuster, até tenho amigos que gostam, mas voltando a falar sério, não se trata de preferência e nem preconceito, a questão aqui é abuso de clichês. Isso torna o filme entediante para quem busca algo novo e divertido. Agora se você curte uma tradicional destruição causada por feras gigantes e um bonitão que salva a mocinha e a cidade (que no filme é tratada como mundo) vai lá conferir.


Nenhum comentário:

Tecnologia do Blogger.