JEDICON RJ 2017 [Eu fui]


Estou meio atrasada para falar de Jedicon, mas o importante é a análise.


A Jedicon RJ é um evento realizado pelo fã clube do Conselho Jedi do Rio e esse ano ele foi realizado nos dias 8 e 9 de julho no Hotel Windsor, na Barra da Tijuca.

Antes de mais nada, eu não sou uma de Star Wars, na verdade, ainda faltam cinco filmes para eu assistir. Porém, eu convivo com fãs hardcore da saga. Então, digamos que eu sou fã do fã clube, ao ponto de ter feito um filme sobre eles, link.

O lema da Jedicon é: “Feito de fã para fã.” Era o que mais se ouvia falar dos organizadores e eu tenho que admitir, a atmosfera é realmente essa. Você sente que as pessoas estão ali para cultuar a franquia, para demonstrar o seu carinho.
É um evento, ao meu ver, pequeno. Não há vários estandes de venda, não é um evento comercial, para você comprar, as atrações estão nas palestras, nas salas de reuniões e nos cosplays. As pessoas estão ali para se reunirem e curtirem o ambiente. O que torna o evento extremamente family friendly. Já que, além das atrações voltadas ao público infantil, têm um local para os pequenos brincarem, jogarem e se distrairem.
Na Jedicon era comum você esbarrar com crianças brincando com sabres de luz, fantasiadas e até paradas olhando com brilho nos olhos quando viam os seus personagens favoritos delas.

Sem contar que, por ser pequeno, não havia superlotação, dava para curtir sem se esparra nos outros.


As fantasias eram de fato umas das “atrações” mais divertidas, porque a maioria era feita com muito carinho. Tinha até uma marcha onde todos os cosplayers desfilavam pelo evento.

Haviam lugares para board game, card game, dois computadores com jogos da franquia, além de lugar para brincar com fundo verde e estar no seu lugar favorito de Star Wars.

Tinha dois auditórios para palestras, shows, piadas, palcos com entretenimento, que eram voltados para o tema. (Porém eu só frequentei o auditório principal.) E foi ali que eu senti o diferencial, porque sentia-se que as pessoas que estavam ali eram porque queriam estar ali, não por serem mera atrações. As discussões sempre envolviam o tema do evento, seja ela qual fosse. Diferente dos eventos de anime que chamam youtubers e pseudos-celebridades para falarem ou sobre as vidas delas ou contarem piadas apelativas. (Eu sei que é uma forma de se sustentar e alguns até falam coisas interessantes, porém se eu estou em um evento de anime/mangá eu quero ouvir sobre anime/mangá.)

Um problema, que acontece em muitos eventos, foi a comida cara e o fato de não poder entrar com o seu próprio alimento no local. Ao menos haviam restaurantes pertos e leite de bantha, muito gostoso por sinal. Também tinha a questão dos estantes não reporem os produtos, fazendo com que no 2° dia ficassem meio vazios, mas como eu disse, isso não é principal atração. Outra coisa que podia melhorar é ala dos artistas, que achei meio pequena para um evento de fãs, só haviam 4, afinal fanart é feita por fã.

No geral a Jedicon RJ foi um evento divertido e interessante, talvez eu vá no próximo. Espero que até lá tenha assistido todos os filmes. Hauhauhauhauha.

Fiquem com um vídeo de um minuto e pouco que eu fiz.



Nenhum comentário:

Tecnologia do Blogger.